A partir de amanhã, segunda-feira, até dia 27 de fevereiro, a GNR vai andar nas estradas de todo o país a realizar uma "operação de fiscalização intensiva" sobre as condições de segurança dos veículos - inspeção periódica, estado dos pneus e das luzes vão estar na mira destes militares. Segundo a GNR, "um em cada seis automóveis, que hoje em dia circulam nas estradas portuguesas, tem mais de duas décadas de idade, o que torna ainda mais importante a realização das inspeções periódicas, uma vez que estas visam assegurar as boas condições de funcionamento e segurança dos veículos". 
Uma análise feita por esta força de segurança, indica que entre 2016 e 2017, "tem existido um maior descuido no que à segurança dos veículos". A conclusão é fundamentada pelos números de infrações detetadas e autuações registadas. As multas por falta da inspeção periódica, por exemplo, aumentaram cerca de 30% - passando de 21 640 infrações registadas em 2016, para 27 864, em 2018. No mesmo sentido, a GNR detetou, no ano de 2016, cera de 25 000 infrações relacionadas com anomalias nos pneus e nos sistemas de iluminação e sinalização dos veículos, valor que ultrapassou as 30 000, no ano de 2018, o que representa um aumento de 20%. 

Para a Guarda "estes indicadores, aliados ao agravamento da degradação do estado geral dos veículos, demonstram uma atitude negligente por parte dos respetivos condutores e proprietários, que poderá ter reflexos negativos na capacidade de reação a um imprevisto e contribuir para a ocorrência de um acidente de viação".

Continue a ler a notícia em dn.pt (Diário de Notícias online)

 

Deixe os seus comentários

Publicar comentário como convidado

0
Seus comentários estão sujeitos à moderação do administrador.
  • Nenhum comentário encontado

  2005

 2009

  2013

  2014

RADARES em Tempo Real

Disponível no Google Play

app WEB

Autenticação

Autenticação "Social"